“Nossa newsletter mensal trata das principais alterações legais, inovações e novidades de nosso mercado”.


Newsletter
ENTRA EM VIGOR NOVA REGULAMENTAÇÃO SOBRE CARTEIRA DE IDENTIFICAÇÃO DO TRABALHADOR MARÍTIMO
28/08/2017

Entrou em vigor em 08/06/2017 as emendas aos Anexos I, II e III da Convenção nº 185 (revisada) da Organização Internacional do Trabalho - OIT e anexos, de 2003, que trata do Documento de Identidade do Trabalhador Marítimo.

 Após a entrada em vigor da Convenção se observou que houve dificuldades na sua implementação, em particular com relação às exigências de biometria, baseadas na tecnologia de impressão digital, a serem colocadas no Documento de Identidade do Trabalhador Marítimo.

 O artigo 8º da Convenção estabelece que os anexos da Convenção podem ser alterados por deliberação da Conferência Internacional do Trabalho, observando as recomendações de Comitê Tripartite, com representantes dos Estados Partes da Convenção, dos Armadores e dos Trabalhadores Marítimos.

 Foi então constituído um Comitê que analisou o problema e fez proposição de substituição dos anexos aprovados anteriormente.

 Para resolver esta questão foi decidido alterar os Anexos I, II e III da Convenção, harmonizando as exigências de biometria com os padrões da Organização Internacional de Aviação Civil (ICAO), que por sua vez seguiu os padrões de outros documentos universais de viagem. Em resumo, os documentos de identidade dos trabalhadores marítimos devem se adequar aos requisitos obrigatórios para elaboração de documentos de viagem para máquinas de leitura eletrônica contida nos regulamentos da ICAO. Os documentos emitidos antes da entrada em vigor das emendas aos anexos continuarão válidos até a data de expiração ou até a data de substituição, conforme definido no § 6º do Artigo 3º da Convenção. Também se alertou que a inabilidade para ler o documento de identidade não deve ser usado como justificativa única para que o trabalhador marítimo seja movimentado (ida para terra ou bordo ou trânsito).

 A 105ª Seção da Conferência Internacional do Trabalho, realizado em junho/2016, aprovou a proposta do Comitê, tendo também estabelecido que os novos anexos entram em vigor em 08/06/2017.

 As alterações dos anexos terão validade em todos os Estados Partes da convenção, exceto aqueles que tenham feito notificação expressa de não aceitação.

Voltar
  Mais Newsletters
   
CNPE APROVA NOVA POLÍTICA DE EXPLORAÇÃO E PRODUÇÃO DE PETRÓLEO E GÁS NATURAL NO BRASIL - 28/07/2017
MTb REGULAMENTA DESMONTE NAVAL - 28/07/2017
JUSTIÇA FEDERAL ANULA CONTRATOS DE EXPLORAÇÃO DE GÁS DE XISTO NO PARANÁ - 28/07/2017
BIMCO REVISA CONTRATO MODELO SUPPLYTIME - 28/07/2017
STF DECIDE QUE CONVENÇÃO INTERNACIONAL PREVALECE SOBRE CDC - 30/06/2017
ANP PUBLICA MINUTAS DO EDITAL E CONTRATO DE CONCESSÃO REFERENTE A 14ª RODADA DE LICITAÇÕES - 30/06/2017
GOVERNO FEDERAL PUBLICA DECRETO PARA PARCERIAS EM INVESTIMENTOS EM INFRAESTRUTURA - 30/06/2017
ENCERRADA A CONSULTA PÚBLICA SOBRE O CONTEÚDO DO RELATÓRIO DO REATE - 30/06/2017
PROGRAMA ESPECIAL DE REGULARIZAÇÃO TRIBUTÁRIA - 30/06/2017
CONGRESSO NACIONAL APROVA PRORROGAÇÃO DE ISENÇÃO DE AFRMM PARA AS REGIÕES NORTE E NORDESTE - 30/06/2017
GOVERNO FEDERAL CELEBRA ACORDO DE COOPERAÇÃO COM ESPANHA NA ÁREA DE INFRAESTRUTURA E TRANSPORTES - 30/05/2017
CNPE AUTORIZA A REALIZAÇÃO DE LICITAÇÕES PARA EXPLORAÇÃO DE PETRÓLEO E GÁS NATURAL - 30/05/2017
MME COLOCA EM AUDIÊNCIA PÚBLICA PROPOSTA PARA POLITICA DE E&P DE PETRÓLEO E GÁS NATURAL - 30/05/2017
CNPE ESTABELECE DIRETRIZES ESTRATÉGICAS PARA O DESENHO DE NOVO MERCADO DE GÁS NATURA - 30/05/2017
INPI PUBLICA NORMA QUE SIMPLIFICA O PROCEDIMENTO SOBRE AVERBAÇÃO DE CONTRATOS DE TECNOLOGIA - 30/05/2017

Para localizar uma newsletter específica, utilize o formulário abaixo:

Infront Informatização Empresarial